quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Happy day

Hoje acordei feliz, muito feliz...Contrariando as coisinhas do cotidiano que teimam em incomodar, como uma bomba hidráulica com defeito e poucas horas de sono, levantei repetindo o Caio Fernando Abreu: "Que seja doce, que seja doce, que seja doce..."

E foi. Mesmo as coisas mais azedas não conseguiram me tirar esse sabor. Doce. Resiliência, como diria a minha amiga Selma. Paz, como eu diria. Não que os outros dias tenham sido amargos, ao contrário. Mas esse é especial, talvez porque seja HOJE, simplesmente.



E assim tem sido. Doce. Doce. Doce.

3 comentários:

Talita disse...

Boa noite...

tem um selinho para você no meu blog, passa lá para pegar seu presente.

Bjs, Tata
tatapalavrasaovento.blogspot.com

Paty disse...

Isso mesmo que seja doce,doce,doce....

bjs

Roberta disse...

E será doce, doce, doce. Sempre. Basta querer. vc pode.